Go to Top

Peter Tabichi é vencedor do Global Teacher Prize 2019

“Peter Tabichi, professor de matemática e física na escola rural de ensino fundamental Keriko Secondary School, em Nakuru, no Quênia, foi o vencedor do Global Teacher Prize, o “Nobel da Educação”, e leva o prêmio de US$ 1 milhão concedido pela Varkey Foundation. O anúncio foi feito neste domingo (24) durante o Global Education and Skills Forum, o Fórum Mundial de Educação e Competências (em tradução livre), que acontece em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. A professora brasileira Débora Garofalo ficou entre os 10 finalistas.

A educação está no sangue de Tabichi, de 36 anos. Filho de pai professor e com primos que também seguem a profissão, ele usa tecnologia para ensinar em uma escola com baixíssima conectividade (um computador para cada 58 alunos). Seus alunos precisam caminhar 7 km por estradas acidentadas para assistir às aulas.” Fonte: Porvir

Assista o vídeo do Peter Tabachi

Hugh Jackman anuncia Peter Tabichi como vencedor do Global Teacher Prize

Conheça a história de Peter Tabichi

Peter Tabichi doa 80% do seu salário para ajudar alunos pobres da escola onde leciona. Ele decidiu parar de ministrar aulas em escolas particulares e decidiu ministrar aulas em escola pública para levar mais AMOR para comunidade. Além de professor, ele é religioso da Ordem dos Irmãos Franciscanos.

Espero que seja uma inspiração para todos nós, não apenas professores. Na realidade, o Peter Tabachi é um exemplo de cidadão do MUNDO e não apenas do Quênia, pois quando ele ajuda a sua comunidade, ele está tornando o mundo um lugar melhor.

Professor e cidadão do mundo

O professor também ensina técnicas de cultivo mais resistentes aos moradores dos arredores, já que a fome é uma realidade frequente na região.

“Insegurança alimentar é um grande problema, então ensinar novos jeitos de plantar é uma questão de vida ou morte”, disse em entrevista à Fundação Varkey

Além do contato com as famílias, a atuação de Tabich se estende aos “clubes da paz” que ele organiza na escola, para representar e unir as sete tribos presentes ali. A violência tribal explodiu no Vale do Rift depois da eleição presidencial de 2007 e houve muitas mortes em Nakuru.

Estimulando talentos com o Clube de Ciências

Ele já merecia o prêmio por toda história acima, mas ele ainda criou o clube de ciências para estimular que alunos participassem de feiras de ciências.

Hannah Wambui e Teresiah Kanini são um grande exemplo da inspiração do Peter Tabichi, pois foram vencedoras em uma competição de ciências, contra todas as probabilidades de ganharem de alunos de escolas particulares e bem equipadas.

Na escola, o projeto Waka Cell é exibido em um canto do laboratório pouco equipado.

“Nosso projeto visa abordar os desafios de quedas de energia freqüentes, bem como o alto custo da eletricidade e sua instalação usando materiais prontamente disponíveis”, disse Kanini

Há poucas semanas atrás, assisti o filme “O menino que descobriu o vento” que conta a história de William Kamkwamba que com 14 anos salvou sua aldeia da seca construindo um moinho de vento para gerar eletricidade para bomba de água.

“A África produzirá cientistas, engenheiros e empreendedores cujos nomes serão um dia famosos em todos os cantos do mundo. E as meninas serão uma grande parte dessa história” Peter Tabachi

Há poucas semanas atrás, assisti o filme “O menino que descobriu o vento” que conta a história de William Kamkwamba que com 14 anos salvou sua aldeia da seca construindo um moinho de vento para gerar eletricidade para bomba de água.

Espero que tenha gostado deste post, pois fiquei emocionado ao assistir o vídeo do Peter Tabichi. Destaco a frase que mais gostei e que vale para QUALQUER PROFISSÃO.

“Para ser um grande professor, você deve FAZER MAIS e FALAR MENOS”. Peter Tabichi

Referências:

Professor queniano de escola rural vence o ‘Nobel da Educação’ de 2019


https://www.globalteacherprize.org/person?id=7486
https://www.bbc.com/portuguese/geral-47686946

 

,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *