Go to Top

YouTube muda as regras e muitos youtubers podem falir

youtube muda as regras

Youtube muda as regras e muitos youtubers podem falir. Gravei um vídeo para resumir a minha opinião.

O Bruno Ávilla fez um vídeo onde ele comenta o vídeo do Felipe Neto criticando a decisão do Youtube. Achei bem rica a discussão do Bruno Ávilla, pois fez uma excelente analogia com as mudanças que o Google fez em 2015 e milhares de blogueiros deixaram de monetizar. O fato é que blogueiros que escreviam focados no robô de busca do Google perderam suas boas colocações no Google e, consequentemente, sua audiência. Porém, a qualidade de conteúdo que encontramos no Google melhorou! A verdade seja dita, o Google se preocupa com a QUALIDADE DE CONTEÚDO e o Youtube pertence ao Google.

Muitos youtubers vão falir? Sim, mas muitos outros youtubers com conteúdo de qualidade irão ganhar mais relevância. Conteúdo de qualidade é RELATIVO e sabemos que grande parte do consumo de conteúdo é de jovens. Um exemplo é o programa Zorra Total que passa sábado à noite em horário nobre e eu acho que é de PÉSSIMA QUALIDADE. Mas se passa sábado à noite é porque a Globo tem ibope. O programa “Como será” é incrível e passa sábado de manhã. Eu prefiro ver programas com conteúdo mais educativos e que divulguem projetos de qualidade do que conteúdos de piadas e paródia. O youtuber do Brasil “Whindersson Nunes” que nunca assisti nenhum vídeo e outros que seguem esta linha de conteúdo serão os maiores prejudicados.

Segundo Felipe Neto, uma das principais mudanças será filtrar conteúdos que não são “family friends” para evitar que anúncios sejam veiculados nestes conteúdo. Muitos youtubers falam palavrões ou conteúdo que não são adequados para crianças e serão os mais prejudicados com as mudanças, pois claramente não são conteúdos “family friends”.

Na minha opinião, o Youtube acertou na decisão. Felipe Neto reclama no vídeo, mas ele e centenas de youtubers que ganharam muito dinheiro com o Youtube e criaram formas de garantir monetização com sua comunidade perderão dinheiro, mas não podem negar que suas carreiras tem como origem o Youtube. Muitos youtubers que estavam começando a ganhar seu sustento com o Youtube perderão seu sustento? SIM. Porém, depois os usuários, os ANUNCIANTES são o segundo foco do Youtube. Portanto, as mudanças tem como objetivo garantir que os anúncios sejam veiculados em conteúdo alinhados com os interesses dos anunciantes.

Gostei muito do debate promovido pelo Bruno Ávilla, vale a pena assistir.

 

4 Responses to "YouTube muda as regras e muitos youtubers podem falir"

  • Renan Souza
    12 de abril de 2017 - 16:57 Reply

    Muito bom esse post e muito esclarecedor, muito obrigado.

  • Luana
    16 de abril de 2017 - 3:47 Reply

    Acontece que quem ‘paga’ os anúncios para os criadores de conteúdo são os espectadores e simplesmente não é justo um youtuber que tem uma merreca de visualizações ganhar tanto quanto quem tem milhões de visualizações simplesmente pq o youtube julga seu conteudo adequado. Nossa é o fim dos tempo ‘censura’ na internet. Quem tem que controlar o que os filhos acessam são os pais, todo o conteúdo tem q estar disponível para todos os públicos e não estou falando só dos canais de bobagens ou que falam coisas impróprias mas canais que são muito acessados mas recriminados como games por exemplo…

  • Luiz Takara
    20 de abril de 2017 - 16:28 Reply

    Acredito que cada um tem um gosto diferente, temos apenas que respeitar uns aos outros. No caso do Youtube sim, estão pensando em anunciantes mas a questão de conteúdo quem dita é quem assiste. Se você não gosta de determinado conteúdo, assista outro. Esse foi o ponto forte do youtube, que o diferenciou da TV.
    Pelo que eu vejo, logo teremos vários conteúdos “family friendly” no youtube, mas se engana quem pensa que os destaques irão pra canais de conhecimento, aulas, tutoriais. Esse conteúdo que receberá destaque, é o mesmo o já existente na plataforma, muitos deles são videos pra crianças, aqueles videos de camadas disso, daquilo… É uma situação complicada, de um lado temos os anunciantes e do outro os youtubers, pessoas que levantaram a plataforma pra o que ela é hoje.

    • marciookabe
      20 de abril de 2017 - 18:17 Reply

      Olá Luiz,
      Só o tempo dirá o que vai acontecer. O fato é que é o capitalismo em ação…
      A única coisa que sei é que com certeza foi muito bem planejado.
      Abraços,
      Marcio Okabe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *